Voltar à home em SophiA Central de vendas: 0800 55 7074 PABX: (12) 2136 7200
Central de vendas: 0800 55 7074 PABX: (12) 2136 7200 Capa do Blog Bibliotecas e Acervos Gestão Escolar Materiais Educativos Eventos
Por SophiA Em Gestão Escolar Atualizada em 13 MAR 2018 - 10H13

4 mitos sobre software de gestão educacional

Desvende os principais mitos sobre software de gestão educacional e veja como essa ferramenta ajudará a otimizar o tempo e os resultados da sua instituição

A gestão educacional é um processo complexo, que envolve uma série de atividades distintas, que vão desde a área pedagógica até as práticas administrativas. Por conta desse volume de tarefas, muitos diretores e coordenadores de instituições de ensino optam por adotar o chamado software de gestão educacional.

Essa ferramenta tecnológica atua como uma grande aliada dos gestores, pois com as funcionalidades presentes no sistema de gestão educacional é possível otimizar processos e resultados de diferentes setores, como administrativo, financeiro, marketing e até aprimorar a comunicação da escola com a comunidade escolar.

Mesmo com tantos ganhos importantes proporcionados pelo software de gestão educacional, há alguns mitos que podem atrapalhar ou até mesmo bloquear o acesso das instituições a esses resultados.

Para acabar com essas dúvidas sobre o sistema de gestão educacional, reunimos na sequência deste artigo os 4 mitos que estão relacionados a essa ferramenta, que é essencial para o desenvolvimento das escolas. Não perca!

1. Dificuldade de implantação

O primeiro mito que ronda o sistema de gestão educacional está relacionado à implantação da plataforma, que muitos acreditam ser difícil e exigir altos investimentos com infraestrutura.

Na verdade, ao contratar um software de gestão educacional de qualidade, as instituições de ensino terão todo o suporte necessário para implantação da ferramenta alocando, inclusive, o sistema de gestão educacional na nuvem (local para armazenamento de dados entre servidores compartilhados e interligados por meio da Internet), evitando que os profissionais de TI tenham que instalar a plataforma no servidor da escola.

Um ganho importante dessa opção é que tanto a equipe de TI quanto os demais profissionais da instituição de ensino poderão acessar o software de gestão educacional de qualquer lugar e a qualquer hora.

Vale destacar, também, que as melhores plataformas do mercado disponibilizam a versão do sistema para mobile, além de fornecer para as escolas serviços de hospedagem com excelente custo-benefício e suporte personalizado.

2. Alto custo financeiro do software de gestão educacional

Um dos mitos mais propagados quando o assunto é software de gestão educacional tem a ver com o valor do investimento. Ao conhecer todas as vantagens proporcionados pelo sistema, é comum as pessoas acreditarem que há um alto custo por trás desses benefícios.

Mas isso não passa de um mito. É possível encontrar no mercado excelentes plataformas, como o SophiA, desenvolvido pela Prima, que apresenta para as instituições de ensino um excelente custo-benefício. Isso porque as próprias escolas podem optar por quais recursos e funcionalidades irão adquirir de acordo com o seu perfil e realidade financeira.

3. Retorno não é garantido com a adoção do sistema de gestão educacional

Sempre que uma instituição de ensino projeta um investimento, é claro que ela espera ter um retorno positivo. A falta de garantia de bons resultados é outro mito que envolve o sistema de gestão educacional. Com a otimização de processos e de tempo, os gestores notarão em um curto período que o investimento realizado está dando “bons frutos”.

Em áreas como a captação de alunos, por exemplo, é possível verificar de imediato a eficácia do sistema de gestão educacional, por meio de gráficos e relatórios que mostram o desempenho das ações administradas na ferramenta.

4. Linguagem muito técnica é outro mito sobre o software de gestão educacional

Por fim, mais um mito relacionado ao sistema de gestão educacional é sobre a linguagem técnica adotada por alguns recursos tecnológicos e que dificulta a utilização da ferramenta. Ao investir em um bom software, como o SophiA, os gestores não precisarão se preocupar com esse ponto, pois todas as funcionalidades da plataforma foram desenvolvidas com intuito de otimizar os processos internos e também o tempo dos usuários.

A Prima, empresa responsável pela criação do SophiA, é especialista no desenvolvimento de soluções tecnológicas para o gerenciamento de instituições de ensino curriculares, escolas de cursos livres, bibliotecas e acervos não-bibliográficos. Por conta dessa experiência, a companhia conhece muito bem as necessidades dos gestores, projetando assim recursos simples, práticos e com uma linguagem bastante acessível para todos que atuam no setor.

Apresentamos para você os 4 principais mitos que rondam o software de gestão educacional. Também mostramos que essa ferramenta é fundamental para as instituições que buscam otimizar o tempo dos colaboradores e também os resultados obtidos em diferentes departamentos.

Para ampliar os seus conhecimentos sobre o tema, te convidamos para baixar o nosso e-book gratuito que mostra como o CCI Educacional otimizou a tomada de decisão com um sistema de gestão educacional. Se você quer continuar acompanhando notícias como esta, assine agora mesmo a nossa newsletter gratuita.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Ligamos para você

Menu
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por SophiA, em Gestão Escolar

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.