Voltar à home em SophiA Central de vendas: +55 (12) 99654-1838 PABX: (12) 2136 7200
Central de vendas: +55 (12) 99654-1838 PABX: (12) 2136 7200 Capa do Blog Bibliotecas e Acervos Gestão Escolar Materiais Educativos Eventos
Por SophiA Em Bibliotecas e Acervos

Entenda o papel social dos museus

É preciso repensar o papel social dos museus em nossa sociedade, reformulando sua atuação como agentes da educação.

O papel social dos museus evoluiu drasticamente nos últimos 20 anos. Antes eles eram vistos mais como um espaço que concentrava manifestações artísticas, culturais, históricas, tradicionais e objetos de interesse científico – sendo não só uma ótima fonte de conhecimento, mas também um meio para conhecer história, cultura, civilização, religião, arte e arquitetura de um povo ou um momento histórico.

Mas hoje vemos museus que exploram seu acervo de uma forma mais dinâmica e inovadora, como forma de incentivar o diálogo e atrair uma sociedade em constante ebulição tecnológica.

Vamos entender melhor isso juntos, no decorrer desse artigo.

O museu nos dias de hoje

A função primária de uma instituição museológica é contar a história do homem e como a sociedade evoluiu em seu ambiente ao longo dos anos, o que pode ser observado seja qual for o tipo de museu e das peças que compõem seu acervo.

É por isso que o papel social dos museus está também na conservação da riqueza cultural de um povo em total segurança, de forma a permitir que as gerações futuras possam ter acesso direto a este material.

Infelizmente esse mindset não é consenso geral: como resultado de seu início histórico em muitas das nações "em desenvolvimento", os museus são vistos como locais elitizados e fora do alcance de boa parte da população.

Por isso, o papel social dessas instituições atualmente implica em estimular a democratização do acesso aos acervos – ampliando o acesso para a população como um todo e também através da modernização das abordagens junto ao público.

É por isso que atualmente os principais museus do mundo oferecem também uma grande variedade de espaços sociais flexíveis, que atraem uma ampla audiência de visitantes, composta por indivíduos transitórios e membros da comunidade local.

Seja na forma de cafés, restaurantes e bares para refeições formais ou informais, lojas que atraem compradores e colecionadores ou espaços flexíveis que podem ser usados para diversas atividades educacionais, fato é que o papel social dos museus está mudando à medida que a sociedade se transforma.

Por isso, é necessário e de fato urgente que a gestão dos museus foque na redefinição de suas missões, objetivos, funções e estratégias para refletir as expectativas das pessoas sobre uma instituição museológica.

Hoje, os museus precisam se tornar agentes de mudança e desenvolvimento: devem refletir os eventos da sociedade e se tornar instrumentos de progresso, trazendo para os holofotes ações e eventos que incentivem o desenvolvimento da comunidade.

O papel social dos museus na educação

Incentivar o desenvolvimento da sociedade implica diretamente na promoção da educação. E como um dos objetivos fundamentais de um museu é transmitir educação cultural efetivamente, ele ajuda as gerações futuras a entender e apreciar sua história e cultura, além de promover o orgulho e o conhecimento sobre as realizações de seus antepassados.

Os museus possuem materiais e informações que podem e devem ser usados ​​para enriquecer e melhorar o currículo escolar em várias disciplinas.

Por isso, é interessante até mesmo que os professores trabalhem em colaboração com os profissionais dos museus, refletindo sobre como podem ser desenvolvidos programas educacionais para todos os alunos, ajudando a complementar o currículo escolar.

E os profissionais em si podem contribuir de muitas outras formas:

A equipe de funcionários de um museu costuma ser formada por historiadores, curadores, educadores, artistas, entre outros. E cada um desses indivíduos tem algo verdadeiramente valioso a oferecer: seu conhecimento e experiência.

Isso pode ser um valioso complemento para o conteúdo ministrado em sala de aula ou até funcionar como uma estratégia de ensino híbrido, com aulas especiais, expositivas, sensoriais – o papel social dos museus oferece muitas oportunidades de maximizar essa riqueza de talentos já disponíveis em prol da educação das futuras gerações.

A tecnologia e seu papel no museu atual

Para que os museus mantenham sua relevância e se tornem parceiros positivos no desenvolvimento da sociedade, eles devem usar os recursos certos para se tornarem mais modernos e responsivos à dinâmica moderna.

E é por meio da tecnologia que tais recursos são obtidos criando, por exemplo, experiências interativas únicas que constroem conexões sociais e emocionais duradouras. Mas seu uso vai muito além...

A tecnologia também pode, e deve, ser utilizada na gestão de acervo e outros processos administrativos do museu. Uma dica, nesse sentido, é o uso do software SophiA Acervo, que garante um controle real e seguro de todas as peças, bem como permite a emissão de relatórios e documentos personalizados, entre diversos outros recursos voltados para tornar a administração da instituição mais prática e assertiva.

Agende uma visita sem compromisso de nossos especialistas e descubra como a solução SophiA pode ser aliada da administração de seu museu.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Ligamos para você

Menu

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por SophiA, em Bibliotecas e Acervos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.